AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DA ÁGUA DA SECÇÃO URBANA DO ARROIO OLARIAS (PONTA GROSSA - PR)

  • Gabriella Severo UEPG
  • Vinícius Gabriel Ribicki Cescage
  • Guilherme Araujo Vuitik UEPG
  • Ana Claudia Barana UEPG

Resumo

A qualidade da água dos cursos hídricos reflete as condições sanitárias da população circunjacente. A indevida inserção de cargas poluentes em arroios urbanos pode ser nociva aos padrões naturais de equilíbrio. Neste contexto, o presente estudo teve como objetivo avaliar a qualidade da água do arroio Olarias, localizado na região urbana do município de Ponta Grossa – PR, através de amostras superficiais de água em pontos sequenciais do curso. Avaliou-se os seguintes parâmetros qualitativos: bactérias heterotróficas, coliformes totais e fecais, DBO, DQO, fósforo total, nitrato, nitrogênio amoniacal, OD, pH, sulfato total, ST, STF, STV, temperatura e turbidez. Os dados obtidos foram correlacionados com a resolução CONAMA 357/2005 e ao Índice de Qualidade das Águas (IQA). Concluiu-se, através dos parâmetros analisados, a ocorrência de poluição do arroio não apenas por efluentes domésticos, prejudicando sua classificação, como também evidências sobre contaminação agrícola e/ou industrial.

Palavras-chave: Bacia hidrográfica, Arroio urbano, Qualidade da água, Poluição hídrica.

Publicado
2021-09-02
Seção
Artigos