MAPA GEOLÓGICO-GEOTÉCNICO DA CIDADE DE PONTA GROSSA BASEADO EM SONDAGENS À PERCUSSÃO

  • Lúcio Marcos de Geus Pontifícia Universidade Católica do Paraná
  • Carlos Emmanuel Ribeiro Lautenschläger Universidade Estadual de Ponta Grossa
  • Bianca Penteado de Almeida Tonus Universidade Estadual de Ponta Grossa
  • Samuel Ricardo Gaioski Gaioski Engenharia

Resumo

A cidade de Ponta Grossa, localizada no estado do Paraná, é a quarta maior em número de habitantes e encontra-se em um processo de crescimento acelerado tanto na área industrial, quanto em novos empreendimentos residenciais. Nos últimos anos, observa-se uma tendência de verticalização das edificações residenciais principalmente na área central da cidade. A construção de obras como estas, depende do conhecimento do subsolo no local onde serão erguidas, de suas características geológicas, geotécnicas e geomorfológicas com a finalidade de estabelecer o tipo mais adequado e os parâmetros de dimensionamento das fundações. O objetivo principal deste trabalho é a elaboração de um mapa geológico-geotécnico da cidade de Ponta Grossa, obtido a partir de informações de sondagens à percussão realizadas por empresas parceiras do departamento de Engenharia Civil da Universidade Estadual de Ponta Grossa. A região estudada tem um solo predominantemente residual oriundo de três formações geológicas distintas de rochas sedimentares dos Grupos Paraná e Itararé. Outro objetivo do trabalho é comparar as informações dos laudos das sondagens à percussão e a caracterização dos solos feitas em laboratório. Os resultados obtidos foram satisfatórios e incentivam a continuidade do processo de construção do mencionado mapa geológico-geotécnico. Também foi verificado que a classificação do solo descrita nos laudos SPT apresenta excelente compatibilidade com as obtidas nas análises de laboratório. Finalmente, espera-se que este mapa possa ser empregado como complemento aos estudos regionais do substrato, e como ferramenta auxiliar para a busca de soluções para os desafios geotécnicos da região.

Biografia do Autor

Lúcio Marcos de Geus, Pontifícia Universidade Católica do Paraná
Professor do Curso de Engenharia Civil da Universidade Estadual de Ponta Grossa desde 1988. Atua nas áreas de transportes e construção civil. Engenheiro responsável pelas obras do Campus da UEPG por 9 anos. Aluno do curso de Doutorado no programa de Gestão Urbana da PUCPR desenvolvendo tese na área de Gestão de Resíduos da Construção Civil sob orientação do Prof. Dr. Carlos Mello Garcias.
Publicado
2021-09-02
Seção
Artigos