A EXPLORAÇÃO ECONÔMICA, OS RECURSOS GEOECOLÓGICOS E SUAS RELAÇÕES COM O ANTROPOCENO

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5212/Admpg.v.13.21163.003

Resumo

Nesse trabalho a exploração econômica da natureza pela transformação e uso de recursos geoecológicos como bens e serviços de consumo, materializada pela noção de desenvolvimento econômico é a base da reflexão em torno do Antropoceno, onde fauna, flora, solos e rochas, são convertidos em insumos, catalogados, precificados e comercializados. Assim, o artigo objetiva refletir sobre a exploração econômica de recursos geoecológicos pela lógica do desenvolvimento econômico e sua relação com a aceleração do Antropoceno. Toma por referência autores como Rist (2002) e Bellingieri (2017), fundamentos sobre recursos geoecológicos em Alves (2007) e Gorayeb (2014) e o Antropoceno em trabalhos como os de Steffen et. al. (2011; 2016) e Haraway (2016). Constitui-se pesquisa de campo e documental, realizada entre junho e julho de 2021, tendo como unidade de análise três geossítios do Geopark Araripe na região Cariri do Ceará. A pesquisa indicou interferência antrópica nos geossítios, com consequências ambientais e geológicas. A contribuição deste estudo reside na relação da noção de desenvolvimento com o uso e transformação de recursos geoecológicos enquanto conceito e objeto das ciências exatas, em torno da discussão da aceleração do Antropoceno enquanto fenômeno de interesse de todas as ciências.

Downloads

Publicado

30-01-2023

Como Citar

MACEDO FELIX, E. A EXPLORAÇÃO ECONÔMICA, OS RECURSOS GEOECOLÓGICOS E SUAS RELAÇÕES COM O ANTROPOCENO. Revista ADMPG, [S. l.], v. 13, n. 1, 2023. DOI: 10.5212/Admpg.v.13.21163.003. Disponível em: https://revistas.uepg.br/index.php/admpg/article/view/21163. Acesso em: 16 jun. 2024.

Edição

Seção

Artigos