QUEM SABE O PRÍNCIPE VIROU UM PERIGO: A RELAÇÃO ABUSIVA EM A MEGERA DOMADA

Autores

  • Joana Sudbrach Paz UTFPR
  • Aline de Mello Sanfelici UTFPR

Resumo

: Este trabalho discute a peça A Megera Domada, célebre comédia de William Shakespeare,
protagonizada por um casal cujo relacionamento é, no mínimo, problemático, se não potencialmente
perigoso. À luz de entendimentos acerca da construção do “ideal romântico” e da conceituação
de relacionamentos saudáveis, delineamos o conceito de relacionamento abusivo, com amparo
nos estudos desenvolvidos por McCarry (2010), Markey e Markey (2007) e Postmus, Stylianou e McMahon (2015). Entendendo o relacionamento abusivo como diferente do doentio, especialmente por manifestar-se como mais violento (em qualquer tipo de violência, seja física, emocional ou psicológica), promovemos uma discussão sobre a relação entre os personagens Katherina e Petruchio, atentando para os papéis de gênero e as posições de poder de cada uma das partes desse casal. Demonstramos ser possível observar tal relação abusiva, pois Petruchio controla e chantageia a esposa em diversas ocasiões, inclusive com privações severas, em uma dinâmica que muito se distancia do relacionamento saudável.

PALAVRAS-CHAVE: A Megera Domada. Ideal Romântico. Relacionamento Abusivo.

Downloads

Publicado

2022-02-15

Como Citar

SUDBRACH PAZ, J.; DE MELLO SANFELICI, A. QUEM SABE O PRÍNCIPE VIROU UM PERIGO: A RELAÇÃO ABUSIVA EM A MEGERA DOMADA. Muitas Vozes, [S. l.], v. 10, p. 1–14, 2022. Disponível em: https://revistas.uepg.br/index.php/muitasvozes/article/view/19712. Acesso em: 10 ago. 2022.