ESTRATÉGIAS DE POLIDEZ NA COMUNICAÇÃO AÉREA

Autores

  • Marina Xavier Ferreira Universidade Estadual de Ponta Grossa
  • Ivete Morosov PUC-PR

Resumo

Os estudos pragmáticos estão interessados em demonstrar o uso concreto da linguagem em seus variados contextos e o efeito causado em nossos ouvintes sobre o que dizemos. Este trabalho apresenta uma abordagem relacionada à pragmática, mas especificamente à polidez no que se refere ao comportamento linguístico que gerencia relacionamentos em nossa sociedade, com base nos registros dos diálogos retirados da caixa preta do Tu-154. A pesquisa utiliza como fundamento a Teoria da Polidez valendo-se dos estudos de Brown e Levinson (1987), do conceito de face de Goffman (1967), das concepções de poder e distância de Spencer-Oatey (2005) para demonstrar que o ato de fala carrega uma ameaça à imagem pública dos incluídos na cadeia de comando que pode interferir nas decisões de pilotos de aeronaves militares, ou seja, tanto falante como ouvinte estão propensos a serem feridos linguisticamente. Com a análise, foi possível identificar uma sucessão de eventos para a preservação da face que levaram ao acidente da aeronave. Assim, é possível concluir que nas relações hierárquicas, entre os tipos de problemas mais incômodos que surgem na negociação da face, estão as questões relacionadas à perda de status.

Biografia do Autor

Marina Xavier Ferreira, Universidade Estadual de Ponta Grossa

Doutora em Estudos Linguísticos pela Universidade Federal do Paraná

Ivete Morosov, PUC-PR

Doutoranda em Estudos Linguísticos pela Universidade Federal do Paraná (UFPR)

Downloads

Publicado

2022-03-11

Como Citar

XAVIER FERREIRA, M. .; MOROSOV, I. ESTRATÉGIAS DE POLIDEZ NA COMUNICAÇÃO AÉREA. Muitas Vozes, [S. l.], v. 10, p. 1–22, 2022. Disponível em: https://revistas.uepg.br/index.php/muitasvozes/article/view/20025. Acesso em: 5 jul. 2022.

Edição

Seção

A linguagem em perspectivas pragmáticas