Cultura Gastronômica e Folkcomunicação: a destradicionalização da culinária junina do São João do Alto do Moura no Município de Caruaru - Pernambuco

  • Iêda Litwak de Andrade Cezar Universidade Federal Rural de Pernambuco
  • Betania Maciel Doutora em Comunicação Social, Mestre em Comunicação Rural,- linha de pesquisa Folkcomunicação, Máster em Ciência, Tecnologia e Sociedade: Comunicação e Cultura pela Universidade de Salamanca, professora do POSMEX - Programa de Mestrado em Extensão Rural e Desenvolvimento Local – UFRPE e Pesquisadora da Rede Folkcom-Rede de Estudos e Pesquisas em Folkcomunicação – Cátedra UNESCO de comunicação para o desenvolvimento regional.
  • Joseana Maria Saraiva Universidade Federal Rural de Pernambuco

Resumo

Este estudo busca investigar as tradições e tendências da gastronomia nas festividades juninas no Alto do Moura - Caruaru – PE empreendidas pelas organizações pública e privada, a luz da teoria da folkcomunicação e do folkmarketing. Utilizou-se o enfoque qualitativo, privilegiando a abordagem exploratória e etnográfica. Os resultados mostram que a crescente troca de significados e símbolos da cultura popular junina gastronômica, impulsionada pela globalização dos mercados vêm sofrendo significativas transformações. É possível afirmar que a mídia de massa se apropria do discurso popular em promoção da cultura junina gastronomia, com o propósito meramente lucrativo, resultando na destradicionalização dos festejos juninos e de sua cultura gastronômica. Fenômeno já perceptível no imaginário popular.

Biografia do Autor

Iêda Litwak de Andrade Cezar, Universidade Federal Rural de Pernambuco
Mestre em Extensão Rural e Desenvolvimento Local – POSMEX – UFRPE; Economista Doméstica – UFRPE; Profa. NEAD/CODAI/UFRPE. Pesquisadora da Rede Folkcom-Rede de Estudos e Pesquisas em Folkcomunicação – Cátedra UNESCO de comunicação para o desenvolvimento regional.
Betania Maciel, Doutora em Comunicação Social, Mestre em Comunicação Rural,- linha de pesquisa Folkcomunicação, Máster em Ciência, Tecnologia e Sociedade: Comunicação e Cultura pela Universidade de Salamanca, professora do POSMEX - Programa de Mestrado em Extensão Rural e Desenvolvimento Local – UFRPE e Pesquisadora da Rede Folkcom-Rede de Estudos e Pesquisas em Folkcomunicação – Cátedra UNESCO de comunicação para o desenvolvimento regional.
Universidade Federal Rural de Pernambuco
Joseana Maria Saraiva, Universidade Federal Rural de Pernambuco
Doutora em Serviço Social pela UFPE; Mestre em Nutrição-Saúde Pública pela UFPE; Profa. Do Programa de Pós-Graduação em Consumo, Cotidiano e Desenvolvimento Social – Departamento de Ciências Doméstica da UFRPE.
Publicado
2016-04-29
Seção
ARTIGOS E ENSAIOS