ESPORTE, INCLUSÃO E EDUCAÇÃO FÍSICA ESCOLAR EM DEBATE: A ANÁLISE DO PROJETO CID-PARALÍMPICO

  • André Luís Normanton Beltrame Universidade Católica de Brasília http://orcid.org/0000-0001-8753-0159
  • Maria Márcia Viana Prazeres Universidade Católica de Brasília
  • Marilda Mendes Teixeira Universidade Católica de Brasília
Palavras-chave: Atendimento Educacional Especializado, Esporte Adaptado, Educação Física Escolar Inclusiva, Inclusão de Pessoas com Deficiências

Resumo

O objetivo do estudo foi analisar junto a professores de um projeto de atendimento educacional especializado em esporte adaptado, projeto CID-Paralímpico, suas percepções acerca da contribuição do projeto na Educação Física Escolar inclusiva. A pesquisa, por meio de entrevistas com dez professores do projeto, culminou na seleção de duas categorias para análise. Os resultados indicam dificuldades na participação da pessoa com deficiência quando nas aulas de Educação Física Escolar e o reconhecimento difuso do projeto e da função desempenhada por seus professores, que vão a escola orientar e sugerir possibilidades de aulas. O estudo conclui que projeto não se alinha a Educação Física Escolar inclusiva e aponta que a ida de professores do projeto à escola esteja servindo como argumento para aulas individuais à pessoa com deficiência.

Biografia do Autor

André Luís Normanton Beltrame, Universidade Católica de Brasília
Doutorando em Educação Física pela Universidade Católica de Brasília.
Maria Márcia Viana Prazeres, Universidade Católica de Brasília
Doutora em Educação Física pela Universidade Católica de Brasília.
Marilda Mendes Teixeira, Universidade Católica de Brasília
Doutoranda em Educação Física pela Universidade Católica de Brasília.
Publicado
2017-12-21
Seção
Esporte, Lazer e Sociedade