SUJEITOS PERIFÉRICOS E COLETIVOS CULTURAIS

PERTENCIMENTO, PARTICIPAÇÃO E POLÍTICA NO BAIRRO DE SANTA CRUZ - RJ

Autores

  • Leonardo Moreira UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO
  • Marcio Luiz Gonçalves D’Arrochella Professor da Secretaria de Estado de Educação do Rio de Janeiro (SEEDUC) https://orcid.org/0000-0001-9005-1888
  • Ynara Noronha https://orcid.org/0000-0002-1865-9554
  • Pedro Almeida Cupolillo Bacharelando em Comunicação Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro - habilitação em rádio e tv.

Resumo

Este artigo se insere no tema questões urbanas a partir de um estudo qualitativo realizado no bairro de Santa Cruz, Zona Oeste do município do Rio de Janeiro. Para introduzir as discussões relacionadas à organização espacial, traçamos um mapeamento inicial dos coletivos culturais e da atuação desses grupos no bairro. De modo a compor um estudo das práticas das juventudes periféricas, em coletivos culturais. Assim, a pesquisa é estruturada em 2 seções que percorrem a questão investigativa - qual o papel dos coletivos culturais na organização espacial de um bairro periférico? - Na primeira, discutimos a relação entre sujeitos periféricos e atuação nos coletivos culturais e na segunda, uma pesquisa documental que focaliza o perfil da juventude de Santa Cruz. Por fim, é desenvolvido um mapeamento dos coletivos atuantes no bairro, formas de expressão cultural e reinvenção do espaço, relacionando-os à organização espacial deste bairro.

Biografia do Autor

Leonardo Moreira, UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO

Atualmente cursa Doutorado em Educação pelo Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Mestre em Educação e Pedagogo pela mesma instituição. Desde 2015 integra a equipe do Laboratório de Educação, Cinema e Audiovisual (LECAV) e do Programa de Extensão CINEAD: Cinema, Aprender e Desaprender, desenvolvendo experiências de iniciação ao cinema em escolas e hospitais públicos da cidade do Rio de Janeiro. Integra também o Grupo de Estudos e Pesquisas sobre o trabalho da Educação (GESTE), também da Faculdade de Educação da UFRJ.

Marcio Luiz Gonçalves D’Arrochella, Professor da Secretaria de Estado de Educação do Rio de Janeiro (SEEDUC)

Realiza Pós-Doc em Geografia na UFRJ. Doutor em Geografia pela Universidade Federal Fluminense (UFF), Mestre em Geografia pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) e Bacharel e Licenciado em Geografia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Professor da Secretaria de Estado de Educação do Rio de Janeiro (SEEDUC). 

Pedro Almeida Cupolillo, Bacharelando em Comunicação Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro - habilitação em rádio e tv.

Bacharelando em Comunicação Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro - habilitação em rádio e tv. Atualmente desenvolve experiências de iniciação ao Cinema em Escolas Públicas através do Programa de Extensão Universitária CINEAD/UFRJ e do REALIZACINE.

Downloads

Publicado

2023-12-05

Como Citar

MOREIRA, L.; GONÇALVES D’ARROCHELLA, M. L. .; NORONHA, Y.; ALMEIDA CUPOLILLO, P. SUJEITOS PERIFÉRICOS E COLETIVOS CULTURAIS: PERTENCIMENTO, PARTICIPAÇÃO E POLÍTICA NO BAIRRO DE SANTA CRUZ - RJ. Publicatio UEPG: Ciências Sociais Aplicadas, [S. l.], v. 31, n. 1, p. 1–14, 2023. Disponível em: https://revistas.uepg.br/index.php/sociais/article/view/21093. Acesso em: 28 fev. 2024.

Edição

Seção

Políticas urbanas e organização espacial: pensando as cidades - 2023