Adolescente em cumprimento de medida socioeducativa de semiliberdade: seu perfil no Distrito Federal (Profile of adolescent offenders in correctional semi-liberty facilities in the Federal District (DF) of Brazil)

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Elessandra da Silva Cruz
Bernardo Kipnis
Alcyone Vasconcelos

Resumo

O presente artigo descreve o perfil do adolescente em cumprimento de medida socioeducativa de semiliberdade no Distrito Federal (DF). Utilizou-se abordagem de natureza quantitativa, a partir do levantamento de dados secundários coletados nos registros eletrônicos das seis unidades de semiliberdade do DF que são inseridos no SIPIA. As análises referentes às variáveis idade, sexo, etnia, escolaridade, situação profissional, convívio familiar, bairro de residência, renda familiar e uso de drogas são apresentadas relacionando os resultados a outras pesquisas e à literatura atual sobre o assunto. Como resultados, observou-se que a maioria dos adolescentes em semiliberdade no DF é de afrodescendentes, que se encontram matriculados em instituição de ensino, com distorção na relação idade/série escolar, não trabalham, são oriundos de famílias chefiadas por mulheres e possuem residência nas regiões administrativas de Planaltina, Ceilândia e Sobradinho do Distrito Federal. Cenário este coincidente com estudo realizado 10 anos antes, indicando ter havido pouca mudança em termos do perfil desse público analisado. 

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
Cruz, E. da S., Kipnis, B., & Vasconcelos, A. (2021). Adolescente em cumprimento de medida socioeducativa de semiliberdade: seu perfil no Distrito Federal (Profile of adolescent offenders in correctional semi-liberty facilities in the Federal District (DF) of Brazil). Emancipação, 21, 1-23. https://doi.org/10.5212/Emancipacao.v.21.2115214.012
Seção
Artigos
Biografia do Autor

Elessandra da Silva Cruz, Universidade de Brasília - UnB

Mestranda em Política Públicas e Gestão da Educação pela Universidade de Brasília. Especialista em Políticas Públicas e Socioeducação pela UnB. Licenciada em Letras pela Universidade de Brasília e em Pedagogia pelo Centro Universitário Internacional (UNINTER). E-mail: ele.c.silva@gmail.com.

Bernardo Kipnis, Universidade de Brasília - UnB

Doutor em Comparative Education - University of London. Pós doutorado na University of California, Berkeley, como bolsista CAPES. Pós-doutorado em Monash University, Austrália, como bolsista CAPES. Mestre em Economia pela Universidade de Brasília. Graduado em Economia pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Professor associado da Universidade de Brasília. Faculdade de Educação e Diretor do Centro de Estudos Avançados em Governo e Administração Pública. E-mail: bernardo.kipnis@gmail.com

Alcyone Vasconcelos, Universidade de Brasília - UnB

Doutora em Administração da Educação pela Illinois State University. Professora da Universidade de Brasília – Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade. E-mail: alcyone.v@gmail.com

Referências

ABRAMOVAY, Miriam; CASTRO, Mary Garcia; PINHEIRO, Leonardo de Castro; LIMA, Fabiano de Sousa; MARTINELLI, Cláudia da Costa. Juventude, violência e vulnerabilidade social na América Latina: desafios para políticas públicas. Brasília, UNESCO, 2002. Disponível em: http://www.alapop.org/alap/images/PDF/ALAP2004_295.pdf. Acesso em: 02 fev. 2020.
ADORNO, Sérgio. Exclusão socioeconômica e violência urbana. Sociologias, Porto Alegre, v. 4, n. 8, p. 84-135, 2002. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/soc/n8/n8a05. Acesso em: 15 jan. 2020.
AMPARO, Deise Matos do; GALVÃO, Afonso Celso Tanus; ALVES, Paola Biasoli; BRASIL, Katia Tarouquella; KOLLER, Silvia Helena. Adolescentes e jovens em situação de risco psicossocial: redes de apoio social e fatores pessoais de proteção. Estud. psicol. (Natal), Natal, v. 13, n. 2, p. 165-174, ago. 2008. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2008000200009&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 11 fev. 2020.
ANDI, Comunicação e Direitos. Quais são os termos mais apropriados para se referir a crianças e adolescentes, quando se tem em vista a preservação de seus direitos?. [s.d.]. Disponível em: http://www.andi.org.br/help-desk/quais-sao-os-termos-mais-apropriados-para-se-referir-criancas-e-adolescentes-quando-se-tem. Acesso em: 28 jul. 2020.
ARAÚJO, Cláudio Márcio de; OLIVEIRA, Maria Cláudia Santos Lopes de. Significações sobre desenvolvimento humano e adolescência em um projeto socioeducativo. Educação em Revista, v. 26, n. 3, p. 169-194, 2010.Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-46982010000300009. Acesso em: 20 dez. 2020.
ARAÚJO, Domingos. O perfil das adolescentes que cometeram atos infracionais em Salvador no ano 2000. 2004. 129 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Universidade Federal da Bahia, Salvador, BA, 2004. Disponível em: https://ips.ufba.br/sites/ips.ufba.br/files/domingos_araujo.pdf. Acesso em: 23 jan. 2020.
ASSIS, Simone Gonçalves de; CONSTANTINO, Patrícia. Perspectivas de prevenção da infração juvenil masculina. Ciênc. saúde coletiva, Rio de Janeiro, v. 10, n. 1, p. 81-90, mar. 2005. Disponível em http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S141381232005000100014&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 31 mar. 2020. 
ASSIS, Simone Gonçalves de. Filhas do mundo: infração juvenil feminina no Rio de Janeiro. Rio de Janeiro: Fiocruz, 2001.
BISINOTO, Cynthia. Repercussões das concepções de desenvolvimento no espaço educativo e na ação docente. In: BISINOTO, Cynthia. (Org.). Docência na Socioeducação. Brasília: Faculdade UnB Planaltina; Universidade de Brasília, 2014, p. 97-114. Disponível em: https://docenciasocioeducacaounb.wordpress.com/sobre/material-livros/. Acesso em: 10 jan. 2020.
BRASIL. Lei Federal nº 12.594 de 18 de janeiro de 2012. Institui o Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo (SINASE). Brasília: Presidência da República; Casa Civil; Subchefia para Assuntos Jurídicos, 2012.
BRASIL. Lei Federal nº 8.069 de 13 de julho de 1990. Dispõe sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente e dá outras providências. Brasília: Presidência da República; Casa Civil; Subchefia para Assuntos Jurídicos, 1990.
BRASIL. Levantamento anual do SINASE 2017. Disponível em: https://prioridadeabsoluta.org.br/wpcontent/uploads/2016/05/levantamentoanualdosinase2017.pdf. Acesso em: 19 de fev. 2020.
BRASIL. Pesquisa de Orçamentos Familiares 2019. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Disponível em: https://biblioteca.ibge.gov.br/visualizacao/livros/liv101670.pdf. Acesso em: 22 de fev.2020.
CASTRO, Mary Garcia; ABRAMOVAY, M. Jovens em situação de pobreza, vulnerabilidades sociais e violências. Cad. Pesq., n.116, p.143-176, 2002. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-15742002000200007. Acesso em: 15 jan. 2020.
CODEPLAN: Perfil dos Jovens do Distrito Federal (2018). Brasília: Codeplan; Seplan; Governo do Distrito Federal, 2018. Disponível Em: http://www.codeplan.df.gov.br/wp-content/uploads/2018/02/Perfil-dos-Jovens-do-Distrito-Federal.pdf. Acesso em: 07 jan. 2020.
COIMBRA, Cecília Maria Bouças. Operação Rio: o mito das classes perigosas. Niterói, Rio de Janeiro: Intertexto; Oficina do Autor, 2002. Disponível em: https://www.academia.edu/22472174/COIMBRA_Cec%C3%ADlia._Opera%C3%A7%C3%A3o_Rio_-_o_mito_das_classes_perigosas. Acesso em: 01 abril 2020.
COSTA, Antônio Carlos. Sócio-educação: estrutura e funcionamento da comunidade educativa. Brasília: SDH, 2004.
COSTA, Cláudia Regina Brandão Sampaio Fernandes da; ASSIS, Simone Gonçalves de. Fatores protetivos a adolescentes em conflito com a lei no contexto socioeducativo. Psicol. Soc., Porto Alegre, v. 18, n. 3, p. 74-81, dez. 2006. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-71822006000300011& lng=en&nrm=iso. Acesso em: 27  jan. 2020.
CRUZ, Ana Vládia Holanda. O adolescente em conflito com a lei e a escola: criminalização e inclusão perversa. 2010. 302 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia, Sociedade e Qualidade de Vida) – Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2010. Disponível em: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/17447. Acesso em: 15 jan. 2020.
CUNHA, Eliseu; DAZZANI, Maria. A escolarização de adolescentes infratores em um contexto de privação de liberdade. Adolescência e Conflitualidade, São Paulo, n. 14, p. 34-43, 2018. Disponível em: https://revista.pgsskroton.com/index.php/adolescencia/article/view/5162. Acesso em: 10 dez. 2019
DELLECAVE, Michelly; BARBOZA, Camila; CALDERON, Paula. Fatores de risco e proteção para a prática do ato infracional: percepção do adolescente e da família. Adolescência e Conflitualidade, [s. l.], ano 2018, n. 17, p. 23-39, 2018. Disponível em: https://revista.pgsskroton.com/index.php/adolescencia/article/view/4713. Acesso em: 10 fev. 2020.
DIAS, Ana Cristina Garcia; ARPINI, Dorian Mônica; SIMON, Bibiana Rosa. Um olhar sobre a família de jovens que cumprem medidas socioeducativas. Psicologia & Sociedade, v. 23, n. 3), p. 526-535, 2011. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/psoc/v23n3/10.pdf. Acesso em: 02 fev. 2020.
DICIONÁRIO Online de Português. Significado de risco. Porto: 7Graus, 2019. Disponível em: https://www.dicio.com.br/risco/. Acesso em: 30 jan. 2020.
DIDONET, Vital. Direitos, infância e agenda pública: ECA 25 anos – primeira infância. In: Blog da ANDI. Direitos, infância e agenda pública. Brasília, 4 ago. 2015. Disponível em: http://blog.andi.org.br/eca25anos-primeira-infancia-0. Acesso em: 29 mar. 2020.
EISENSTEIN Evelyn. Adolescência: definições, conceitos e critérios. Adolescência Saúde, v. 2, n. 2, p. 6-7, abr./jun. 2005. Disponível em: https://cdn.publisher.gn1.link/adolescenciaesaude.com/pdf/v2n2a02.pdf. Acesso em: 29 mar. 2020.
FERREIRA, Juliana. O adolescente e o jovem em conflito com a lei e a escolarização: possibilidade de humanização?. 2015. 132 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) – Universidade Estadual de Maringá, Maringá, 2015. Disponível em: http://repositorio.uem.br:8080/jspui/handle/1/4568. Acesso em: 29 mar. 2020.
FIGUEIREDO, Ivanilda; FRASSETO, Flávio. Medidas socioeducativas: do debate sobre a natureza aos parâmetros legais e aplicação e execução. In: SPOSATO, Karyna. Matriz de formação do Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo. 1º. ed. Brasília: UnB, 2015. p. 139-166.
FUCHS, Andréa Márcia S. Lohmeyer. Telhado de vidro: as intermitências do atendimento socioeducativo de adolescentes em semiliberdade. Análise nacional no período de 2004-2008. 2009. 273 f. Tese (Doutorado em Política Social) – Universidade de Brasília, Brasília, 2009. Disponível em: http://www.renade.org.br/midia/doc/tese-andrea-fuchs.pdf. Acesso em: 11 fev. 2020.
GALLO, Alex; WILLIAMS, Lúcia Cavalcanti de Albuquerque. Adolescentes em conflito com a lei: uma revisão dos fatores de risco para a conduta infracional. Psicol Teoria Prática, v. 7, n. 1, p. 81-95, 2005. Disponível em: http://pepsic.bvsalud.org/pdf/ptp/v7n1/v7n1a07.pdf. Acesso em: 08 jul. 2019.
GALLO, Alex. Adolescente em conflito com a lei: perfil e intervenção. 2006. 300 f. Tese (Doutorado em Educação Especial) – Universidade Federal de São Carlos. São Carlos, 2006. Disponível em: https://repositorio.ufscar.br/handle/ufscar/2818?show=full. Acesso em: 10 ago. 2019.
IPEA – INSTITUTO DE PESQUISA ECONÔMICA APLICADA. Retratos da desigualdade de sexo e raça. Brasília: Ipea, 2011. Disponível em: https://www.ipea.gov.br/portal/index.php?option=com_content&view=article&id=12893%3Aretrato-das-desigualdades-de-genero-e-raca-4º edicao&catid=266%3A2011&directory=1&Itemid=1. Acesso em: 01 fev. 2020.
JACCOUD, Luciana. Racismo e república: o debate sobre o branqueamento e a discriminação racial no Brasil. In: THEODORO, Mário. (Org.). As políticas públicas e a desigualdade racial no Brasil. 2. ed. Brasília: Ipea, 2008. cap. 2, p. 19-48. Disponível em: http://www.clam.org.br/bibliotecadigital/uploads/publicacoes/1107_1899_Livrodesigualdadesraciais.pdf. Acesso em: 01 fev. 2020.
JANCZURA, Rosane. Risco ou vulnerabilidade social?. Textos & Contextos, Porto Alegre, v. 11, n. 2, ago./dez. 2012, p. 301-308. Disponível em: https://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/fass/article/view/12173. Acesso em: 29 nov. 2020.
LEONARDO, Nilza Sanches Tessaro; LEAL, Záira Fátima de Rezende Gonzalez; ROSSATO, Solange Pereira Marques. Estado da arte de estudos sobre a queixa escolar: uma análise a partir da psicologia histórico-cultural. In: LEONARDO, N. S. T. (Org.) ; LeaL, Z.R.G (Org.) ; ROSSATO, S. P. M. (Org.). (Orgs.). Pesquisas em queixa escolar: desvelando e desmistificando o cotidiano escolar. Maringá: Eduem, 2012, p. 15-29.
LOPES, Geniela. Análise do perfil do adolescente em uma unidade socioeducativa de internação do Paraná. 2012. 76 f. Dissertação (Mestrado Profissional) – Universidade Estadual de Londrina, Londrina, 2012. Disponível em: . Acesso em: 29 mar. 2020.
MELO, André Chaves de. Nível de escolaridade e criminalidade se relacionam, afirma estudo. Agência USP de Notícias [online], n. 689/01, 06 de março de 2001. Disponível em: http://www.usp.br/agen/bols/1998_2001/rede689.htm. Acesso em: 29 nov. 2018.
NARDI, Fernanda; JAHN, Guilherme; DELL’AGLIO, Débora. Perfil de adolescentes em privação de liberdade: eventos estressores, uso de drogas e expectativas de futuro. Psicologia em Revista, Belo Horizonte, v. 20, n. 1, p. 116-137, 2014. Disponível em: http://pepsic.bvsalud.org/pdf/per/v20n1/v20n1a08.pdf. Acesso em: 31 jan. 2020.
OLIVEIRA, Maria Cláudia Santos Lopes de; COSTA, Daniela Lemos Pantoja; CAMARGO, Carolina Knihs de. Infração juvenil feminina e socioeducação: um enfoque cultural e de sexo. Estud. pesqui. Psicol., Rio de Janeiro, v. 18, n. 1, p. 72-92, abr. 2018. Disponível em: http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_ arttext&pid=S1808-42812018000100005&lng=pt&nrm=iso. Acesso em: 4 jan. 2020.
OLIVEIRA, Maria; SILVA, Samuel; SOUZA, Tatiana. Infância, adolescência, família e sociedade. In: SPOSATO, Karyna. Matriz de formação do Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo. 1º. ed. Brasilia: UnB, 2015. p. 39-74.
OLIVEIRA, Maria. Criança e adolescente como objeto de violência e exclusão social. Especialização em Políticas Públicas e Socioeducação – ENS. Brasília, 2016. Disponível em: http://www.ens.ceag.unb.br/sinase/ens2/images/Biblioteca/modulos_dos_cursos/Especializa%C3%A7%C3%A3o/Eixo_2_-_M%C3%B3dulo_3_-_Parte_1.pdf. Acesso em 05 jul. 2019.
PADOVANI, Andréa Sandoval; RISTUM, Marilena. A escola como caminho socioeducativo para adolescentes privados de liberdade. Educ. Pesqui., São Paulo, v. 39, n. 4, p. 969-984, dez. 2013. disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-97022013000400010&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 09 abr. 2020.
PAES, Paulo Cesar Duarte. Educação de adolescentes privados de liberdade: uma abordagem vigotskiana. Revista Inter Ação, v. 40, n. 2, p. 253-268, 2015. Disponível em: https://doi.org/10.5216/ia.v40i2.32818. Acesso em 30 dez. 2019.
PEDROZA, Regina. Conceito de desenvolvimento e aprendizagem para uma atuação socioeducativa.  Pedagogia Socioeducativa, Brasília, p. 1-26 [Módulo 6]. Disponível em: http://ens.ceag.unb.br/sinase/ens2/images/Biblioteca/modulos_dos_cursos/Especializacao-Eixo3-Mod6/Eixo-3---Mdulo-6---Parte-V--Desenvolvimento-e-aprendizagem-no-campo-socioeducativo.pdf. Acesso em: 02 fev. 2020.
PEREIRA, Thamyris Cristina; REIS, Jhonatan Natércio dos; COSTA, Luciana Assis. Autor e vítima: a vulnerabilidade social. Revista Terapia Ocupacional, v. 26, n. 2, p. 258-266.maio/ago. 2015. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/rto/article/view/74957/101733. Acesso em: 23 jan. 2020.
RABESCHINI, André. Crime e contravenção penal: diferenças e semelhanças. In: Âmbito Jurídico. São Paulo, 2014. Disponível em: https://ambitojuridico.com.br/cadernos/direito-penal/crime-e-contravencao-penal-diferencas-e-semelhancas/. Acesso em: 23 jan. 2020.
RIZZINI, Irene; RIZZINI, Irma. A institucionalização de crianças no Brasil: percurso histórico e desafios do presente. Rio de Janeiro: PUC-Rio, 2004. Disponível em: http://www.editora.pucrio.br/media/ebook_institucionalizacao_de_criancas_no_brasil.pdf. Acesso em: 30 dez. 2019.
SANTOS, Érica Piedade dos. (Des)construindo a ‘menoridade’: uma análise crítica sobre o papel da Psicologia na produção da categoria “menor”. In: GONÇALVES, Hebe Signorini; BRANDÃO, Eduardo Pontes. (Orgs). Psicologia jurídica no Brasil. Rio de Janeiro: Nau, 2004, p. 205-248.
SIERRA, Vânia Morales; MESQUITA, Wania Amélia. Vulnerabilidades e fatores de risco na vida de crianças e adolescentes. São Paulo em Perspectiva, São Paulo, Fundação Seade, v. 20, n. 1, p. 148-155, jan./mar. 2006. Disponível em: http://produtos.seade.gov.br/produtos/spp/v20n01/v20n01_11.pdf. Acesso em: 02 fev. 2020.
SIERRA, Vânia. Ressocialização ou socioeducação? Perspectivas ao adolescente em cumprimento de medidas socioeducativas. In: MENDES, Cláudia C. (Org.). Trajetória de vida violência e vulnerabilidade. Rio de Janeiro: DEGASE, 2019, p. 184-198. Disponível em:  https://www.academia.edu/40511303/Trajetoria_de_vida_violencia_e_vulnerabilidade_digital_1_p%C3%A1ginas_1_10_. Acesso em: 15 fev. 2020.
SILVA, Roberto da. Os filhos do governo: a formação da identidade criminosa em crianças órfãs e abandonadas. São Paulo: Ática: 1997.
SOUZA, Tatiana Yokoy de; OLIVEIRA, Maria Cláudia Lopes de; RODRIGUES, Dayane Silva. Adolescência como fenômeno social. Contextualização socioeconômica das adolescências brasileiras. In: BISINOTO, Cynthia. (Org.). Docência na Socioeducação. Brasília: Faculdade UnB Planaltina; Universidade de Brasília, 2014, p. 119-145. Disponível em: https://docenciasocioeducacaounb.wordpress.com/sobre/material-livros/. Acesso em: 10 jan. 2020.
SOUZA, TATIANE. Adolescência e juventude: questões contemporâneas. Brasília: Escola Nacional de Socioeducação, 2016. Disponível em: http://ens.ceag.unb.br/sinase/ens2/images/Biblioteca/modulos_dos_cursos/Nucleo_Basico_2015/Eixo_1/EixoI.pdf. Acesso em: 12 de fev. 2020.
SPOSITO, Marília Pontes; CARRANO, Paulo César Rodrigues. Juventude e políticas públicas no Brasil. Rev. Bras. Educ., Rio de Janeiro, n. 24, p. 16-39, dez. 2003. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-24782003000300003&lng=en&nrm=iso. Acesso em 30 mar. 2020.
YUNES, Maria Angela Mattar; SZYMANSKI, Heloisa. Resiliência: noção, conceitos afins e considerações críticas. Resiliência e Educação. São Paulo: Cortez, 2001, p. 13-42. Disponível em: encurtador.com.br/xzNT0. Acesso em 30 jan. 2020.
ZAPPE, Jana Gonçalves; RAMOS, Nara Vieira. Perfil de adolescentes privados de liberdade em Santa Maria/RS. Psicologia & Sociedade, v. 22, n. 2, p. 365-373, 2010. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/psoc/v22n2/17.pdf. Acesso em: 30 mar. 2020.