Os desafios cotidianos dos trabalhadores em um abrigo para crianças e adolescentes (Daily challenges faced by the workers of a foster care institution for children and adolescents)

Conteúdo do artigo principal

Agueda Wendhausen
Fernanda Pereira
Guilhermo Alfredo Johnson

Resumo

Num país com inúmeros problemas sociais como o Brasil, o abandono de crianças e adolescentes se constitui em problema preocupante, principalmente ao adentrarmos a realidade das chamadas casas de passagem, que lhes servem como abrigo temporário. O artigo é o recorte de um estudo junto a trabalhadores de um abrigo localizado no sul do país. Trata-se de um levantamento de problemas enfrentados por trabalhadores em seu cotidiano junto a crianças abrigadas. A abordagem metodológica foi qualitativa, utilizando-se para coleta dos dados a metodologia do Círculo de Cultura proposto por Paulo Freire. A análise se deu a partir dos “temas geradores” levantados. Emergiram dois temas principais: as necessidades dos trabalhadores em relação ao processo de trabalho e como se sentem em relação ao trabalho com as crianças. Os resultados apontam aspectos do abandono do Estado e do abandono familiar. Constatamos a necessidade da instituição de uma Política Social inclusiva para essa população, já que esse é um dilema enfrentado pelos Abrigos.

 

Palavras-chave: Trabalhadores. Crianças abrigadas. Política social.

 

 

Abstract: In a country with several social problems such as Brazil, the abandonment of children and adolescents is a matter of concern, especially considering the reality of so-called transition houses, which serve as temporary shelter. This article is an abridged version of a study performed with employees of a foster care institution located in the South region of Brazil. This is a survey of the problems faced in a daily basis by workers regarding the sheltered children. The methodological approach was qualitative, using for data collection the methodology of the Circle of Culture proposed by Paulo Freire. The analysis was based on the “generating issues” that were raised. Two main themes emerged: the needs of workers in relation to the work process and how they feel about working with children. The results reveal certain aspects of the abandonment of the state and of the children’s respective families. Our research has exposed the need of establishing a comprehensive social policy for this population in the face of the dilemmas faced by the foster care institutions.

 

Keywords: Workers. Sheltered children. Social policy.

Detalhes do artigo

Como Citar
Wendhausen, A., Pereira, F., & Johnson, G. A. (2012). Os desafios cotidianos dos trabalhadores em um abrigo para crianças e adolescentes (Daily challenges faced by the workers of a foster care institution for children and adolescents). Emancipação, 11(2). Recuperado de https://revistas.uepg.br/index.php/emancipacao/article/view/733
Seção
Artigos
Biografia do Autor

Fernanda Pereira, Universidade do Vale do Itajaí

Nutricionista graduada pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos - UNISINOS (2006), Mestra em Saúde e Gestão do Trabalho - concentração Saúde da Família pela Universidade do Vale do Itajaí - UNIVALI (2008) e pós-graduanda em Docência Superior pela Universidade Gama Filho - UGF/DF (2008-09).

Guilhermo Alfredo Johnson, Universidade do Vale do Itajaí

Possui graduação em Psicologia pela Universidade Federal de Santa Catarina (1996), é Mestre (1999) e Doutor (2006) em Sociologia Política pela Universidade Federal de Santa Catarina. Atualmente é professor titular da Universidade do Vale do Itajaí. Tem trabalhado na área de Ciência Política, com ênfase em Análise do Processo Decisório, atuando principalmente nos seguintes temas: políticas públicas, política internacional e transformações no mundo do trabalho. Suas últimas produções focalizam discussões em torno da Gestão Pública e a questão democrática sempre considerando aspectos da Política Internacional, particularmente relacionada com a inserção da América Latina no cenário internacional.