A PANDEMIA DO COVID-19 E O EXPERIMENTO DO MERCADO DA APRENDIZAGEM NO BRASIL

Autores

Resumo

O texto objetiva discutir os efeitos da pandemia do COVID-19 no cenário da educação básica e superior no Brasil e como esse panorama se metamorfoseou como um experimento para o mercado da aprendizagem a partir da irradiação do ensino emergencial remoto. Verifica-se que não obstante retórica da aflição acerca da situação educacional em decorrência do isolamento social, a defesa dos interesses das corporações educacionais e das tecnologias da informação e comunicação está em evidência. Considera-se que setores empresariais vinculados a algumas esferas da educação, sobretudo do EaD por meio de venda de tecnologias da informação e comunicação e de recursos tecnológicos e com atuação de EdTechs buscam efetivar o mercado da aprendizagem de modo oportunista e sem considerar o futuro da educação pública estatal e dos alunos das camadas populares.

Biografia do Autor

Alisson Slider do Nascimento de Paula, Centro Universitário Inta - UNINTA

Doutor em Educação pela Universidade Estadual do Ceará (PPGE-UECE). Professor do Centro Universi´tário Inta (UNINTA). Coordenador do Grupo de Pesquisa em Trabalho e Política Educacional (GPTPOED/UNINTA). Bolsista em Produtividade em Pesquisa (BPI/FUNCAP).

Kátia Regina Rodrigues Lima, Universidade Regional do Cariri (URCA)

Doutora em Educação pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCar). Professora da Universidade Regional do Cariri (URCA). Coordenadora do Grupo de Pesquisa em Trabalho e Política Educacional (GPTPOED)

Downloads

Publicado

2022-03-29

Como Citar

DE PAULA, A. S. do N.; LIMA, K. R. R. A PANDEMIA DO COVID-19 E O EXPERIMENTO DO MERCADO DA APRENDIZAGEM NO BRASIL. Publicatio UEPG: Ciências Sociais Aplicadas, [S. l.], v. 29, p. 1–6, 2022. Disponível em: https://revistas.uepg.br/index.php/sociais/article/view/https%3Arevistas2.uepg.brindex.phpsociais. Acesso em: 13 ago. 2022.

Edição

Seção

COVID-19 e seus impactos - 2021/1