A urbanização e seus impactos na densidade de drenagem e na geometria hidráulica do córrego Siriema, Jandaia do Sul-Pr. Doi: 10.5212/TerraPlural.v.4i2.0007

Autores

  • Éderson Dias de Oliveira Universidade Estadual do Centro-Oeste (UNICENTRO)
  • Guilherme Aurélio Crestani Magalhães Faculdade de Jandaia do Sul (FAFIJAN)
  • Patrícia de Souza Universidade Estadual de Maringá (UEM)
  • Leandro Redin Vestena Universidade Estadual do Centro-Oeste

Resumo

O presente trabalho teve como objetivo avaliar os impactos do processo de urbanização em Jandaia do Sul/PR no sistema fluvial e na densidade de drenagem da Bacia Hidrográfica do Córrego Siriema (BHCS). O método utilizado para verificar o ajuste do sistema fluvial foi o da geometria hidráulica na direção de jusante, por meio de medições in loco das propriedades largura, profundidade, área e estimativa da descarga líquida em nível de margens plenas de treze seções transversais do Córrego Seriema. Os resultados obtidos mostraram um significativo desajuste do sistema fluvial do Córrego Seriema. O tipo de uso da terra como espaço urbano está presente em 38,7% da BHCS. Os principais impactos da urbanização no sistema fluvial são alterações na morfologia dos canais fluviais e na dinâmica dos processos hidrossedimentológicos (quantidade e qualidade dos recursos hídricos). A densidade de drenagem na área urbana da BHCS é quatro vezes maior do que na rural.

Biografia do Autor

Éderson Dias de Oliveira, Universidade Estadual do Centro-Oeste (UNICENTRO)

Mestrando em Geografia da UNICENTRO.

Guilherme Aurélio Crestani Magalhães, Faculdade de Jandaia do Sul (FAFIJAN)

Especialista em Geografia da FAFIJAN.

Patrícia de Souza, Universidade Estadual de Maringá (UEM)

Doutoranda em Geografia da UEM.

Leandro Redin Vestena, Universidade Estadual do Centro-Oeste

Doutor em Engenharia Ambiental pela UFSC, na área de Hidrologia e Hidráulica Aplicada. Mestre em Geografia pela UFPR, na área de Análise e Gestão Ambiental. Geógrafo e licenciado em Geografia pela UFPR. Atualmente é Professor do Departamento de Geografia da Universidade Estadual do Centro-Oeste. Em seu currículo Lattes os termos mais freqüentes na contextualização da produção científica, tecnológica e artístico-cultural são: Monitoramento e Modelagem Ambiental, Hidrologia; Geoprocessamento, Hidrossedimentologia, Hidrogeomorfologia e Análise e Gestão Ambiental.

Downloads

Publicado

2011-11-05

Como Citar

OLIVEIRA, Éderson D. de; CRESTANI MAGALHÃES, G. A.; DE SOUZA, P.; VESTENA, L. R. A urbanização e seus impactos na densidade de drenagem e na geometria hidráulica do córrego Siriema, Jandaia do Sul-Pr. Doi: 10.5212/TerraPlural.v.4i2.0007. Terr@ Plural, [S. l.], v. 4, n. 2, p. 257–272, 2011. Disponível em: https://revistas.uepg.br/index.php/tp/article/view/1903. Acesso em: 10 ago. 2022.