A regionalização da inovação agroecológica social: discussões acerca da coletivização do conhecimento agroecológico num recorte regional. DOI: 10.5212/TerraPlural.v.6I1.0003

Autores

  • Luciano Ricardio de Santana Souza NPGEO-UFS

Resumo

A forma de produção do conhecimento inovador social abrangeu, na última década, não apenas as áreas urbanas, mas também o espaço rural, de onde se observa os impactos da junção entre o saber produtivo ancestral e as bases de decodificação coletivo-científica das técnicas de produção ecológica. De igual modo, a agroecologia emerge como prática de concretização da junção entre o agrícola tradicional e o conhecimento científico, tendo nas inovações sociais agrícolas o seu ícone de continuidade. Desta forma, a inovação social agroecológica encontra na trama das redes produtivas regionais os elementos ideais de sua propagação.

Biografia do Autor

Luciano Ricardio de Santana Souza, NPGEO-UFS

Economista e Licenciando em Geografia pelas UFS. Mestre e doutorando pelo NPGEO-UFS.

Downloads

Publicado

2012-02-21

Como Citar

DE SANTANA SOUZA, L. R. A regionalização da inovação agroecológica social: discussões acerca da coletivização do conhecimento agroecológico num recorte regional. DOI: 10.5212/TerraPlural.v.6I1.0003. Terr@ Plural, [S. l.], v. 6, n. 1, p. 43–54, 2012. Disponível em: https://revistas.uepg.br/index.php/tp/article/view/2989. Acesso em: 10 ago. 2022.

Edição

Seção

Artigos