OS CONCEITOS DE PERCEPÇÃO E TERRITÓRIO COMO LENTES PARA O ENTENDIMENTO CULTURAL

Autores

  • Luciene Cristina Risso UNESP

Resumo

O objetivo deste estudo foi realizar uma discussão teórico-metodológica a respeito dos conceitos de percepção e território para a leitura cultural. Isto porque o território, entendido subjetivamente, possibilita a leitura dos significados inerentes às paisagens. Nesse caso, a percepção das sociedades, com relação aos espaços vividos e aos lugares, traz a complementaridade e a integração entre os dois conceitos. Dessa forma, a Geografia Cultural torna-se essencial na discussão de comunidades tradicionais e indígenas em sua relação territorial.  

Biografia do Autor

Luciene Cristina Risso, UNESP

Possui graduação em Geografia Rio Claro pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1998), mestrado em Conservação e manejo de recursos pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2001) e doutorado em Geografia pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2005). Desde 2006 é professora assistente da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho. Tem experiência na área de Geografia com ênfase em Geografia Cultural e Conservação Ambiental. Atua principalmente nos seguintes temas: Gestão sócio-ambiental de Áreas protegidas/Unidades de Conservação e estudos de comunidades indígenas e tradicionais e território.

Downloads

Publicado

2015-06-25

Como Citar

RISSO, L. C. OS CONCEITOS DE PERCEPÇÃO E TERRITÓRIO COMO LENTES PARA O ENTENDIMENTO CULTURAL. Terr@ Plural, [S. l.], v. 8, n. 2, p. 309–319, 2015. Disponível em: https://revistas.uepg.br/index.php/tp/article/view/6438. Acesso em: 12 ago. 2022.

Edição

Seção

Artigos