ANÁLISE CLIMATOLÓGICA E HIDROLÓGICA DA CHEIA DO RIO MADEIRA EM PORTO VELHO-RONDÔNIA NO ANO DE 2014

Autores

  • Eloiza Elena Della Justina UNIR
  • Rafael Rodrigues da Franca UNIR
  • Shirlei Fontenele Sampaio UNIR

Palavras-chave:

anomalias climáticas, inundação, cidade, Amazônia

Resumo

O presente artigo trata de uma análise da dinâmica climática e hidrológica regional observada no Rio Madeira no ano de 2014 e suas conseqüências sobre a cidade de Porto Velho. O verão de 2013/2014 foi caracterizado por expressivas anomalias climáticas na América do Sul, inclusive na Amazônia. Choveu de forma excepcional no centro-norte da Bolívia, onde se encontra a bacia de captação do Rio Madeira, o que resultou em cheias e inundações sem precedentes em Rondônia. Em Porto Velho, o Rio Madeira atingiu a marca histórica de 19,74 metros, superando em mais de 2 metros o maior nível então registrado em 1997. Na área urbana, bairros permaneceram inundados por mais de 60 dias, o que acarretou em inúmeros transtornos à população

Downloads

Publicado

2017-03-08

Como Citar

DELLA JUSTINA, E. E.; RODRIGUES DA FRANCA, R.; FONTENELE SAMPAIO, S. ANÁLISE CLIMATOLÓGICA E HIDROLÓGICA DA CHEIA DO RIO MADEIRA EM PORTO VELHO-RONDÔNIA NO ANO DE 2014. Terr@ Plural, [S. l.], v. 9, n. 2, p. 74–90, 2017. Disponível em: https://revistas.uepg.br/index.php/tp/article/view/9714. Acesso em: 5 out. 2022.

Edição

Seção

Artigos