REGIONALISMO X INTERNACIONALISMO E AS FORMAS CONTEMPORÂNEAS DO ESTADO

Autores

  • Antenor Alves Silva UNIR
  • Vinício Carrilho Martinez

Palavras-chave:

Estado Democrático de Direito Internacional, Estado Democrático de Terceira Geração, Internacionalização da Amazônia, Princípio da Não Intervenção.

Resumo

O texto suscita a necessidade de atualizar o debate que trata da contraposição entre regionalismo e internacionalismo, notadamente no Brasil, sob a premissa de que o Princípio da Soberania não é absoluto, da mesma forma como é fulcral a efetivação do Princípio da Não-Intervenção. O tema vem sendo debatido sob a forma-Estado do Estado

Democrático de Direito Internacional – ou Estado Democrático de Terceira Geração. Trata-se, portanto, de uma temática afeta às denominadas Teorias do Estado, mas sob o viés da urgência de estabelecer regras duradouras – internacionalizáveis – para a garantia da ‘soberania nacional brasileira’ diante dos avanços de uma possível internacionalização da Amazônia. 

Downloads

Publicado

2017-03-08

Como Citar

ALVES SILVA, A.; MARTINEZ, V. C. REGIONALISMO X INTERNACIONALISMO E AS FORMAS CONTEMPORÂNEAS DO ESTADO. Terr@ Plural, [S. l.], v. 9, n. 2, p. 91–107, 2017. Disponível em: https://revistas.uepg.br/index.php/tp/article/view/9715. Acesso em: 29 set. 2022.

Edição

Seção

Artigos