Compartimentação geoambiental no município de São Vicente do Sul, RS, Brasil

Palavras-chave: Mapeamento, Unidades de relevo, SIG, Ocupação da terra

Resumo

A compartimentação fisiográfica é definida pela forma e composição
características do relevo. A análise dos elementos do substrato rochoso e solos,
integrados com usos e ocupação da terra, é fundamental para compreender a dinâmica
geomorfológica e auxiliar no manejo e planejamento de áreas agrícolas e urbanas. Este
trabalho tem como objetivo verificar a compartimentação geoambiental do município
de São Vicente do Sul em ambiente SIG. Foram definidas quatro unidades e cinco
subunidades geoambientais definidas como: unidade Planície Aluvial subdividida em
várzea do Ibicuí, várzea do Jaguari e várzea do Toropi; Unidade de Colinas dividida
em Colinas com campos e lavouras e Colinas com silvicultura; Unidade Cerros de São
Vicente que representam erosão regressiva e; Unidade Urbano.

Biografia do Autor

Luís Eduardo de Souza Robaina, Universidade Federal de Santa Maria
Possui graduação em Geologia pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (1984), mestrado em Geociências pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1990), doutorado em Geociências pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1999) e Pós-Doutorado na Universidade do Porto, Portugal e na Universidade du Maine, Le Mans/França. Atualmente é professor/pesquisador colaborador do programa de pós-graduação em geografia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e professor titular da Universidade Federal de Santa Maria, do curso de geografia e do programa de Pós-graduação em geografia e geociências. Tem experiência na área de Geociências, com ênfase em estudos geomorfológicos, geoambientais e de desastres naturais.
Romario Trentin, Universidade Federal de Santa Maria
Possui Graduação em Geografia Licenciatura pela Universidade Federal de Santa Maria (2004), Mestrado em Geografia pela Universidade Federal de Santa Maria (2007) e Doutorado em Geografia pela Universidade Federal do Paraná (2011). Atualmente, é Professor Adjunto da Universidade Federal de Santa Maria. Tem experiência na área de Geociências, com ênfase em Geotecnologias, atuando principalmente nos seguintes temas: Bacia Hidrografica, Arenização, Geomorfologia, Uso e Ocupação da Terra, Caracterização Geoambiental e Áreas de Risco.
Publicado
2021-03-30
Seção
Artigos/ Articles