Cavernas do Mato Grosso do Sul

revisão, atributos condicionantes, análise preditiva e autocorrelação espacial

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5212/TerraPlural.v.18.19454.004

Palavras-chave:

Cavidades Naturais, Espeleologia, Geoestatística.

Resumo

O carste e o pseudocarste desempenham funções ecossistêmicas vitais, fornecendo recursos naturais e assegurando atividades econômicas importantes, além de proporcionar materiais importantes para entender paleoambientes. Porém, estas regiões são intrinsicamente frágeis, associadas a movimentos de massa ou à manutenção da qualidade dos aquíferos, sendo restritas há algumas formas de uso e ocupações do solo. O objetivo deste estudo é executar uma revisão integrativa sobre o carste no Mato Grosso do Sul, avaliar atributos geológico-ambientais por localização que condicionam a ocorrência de cavidades naturais, além de verificar se é possível prever o número de cavidades por métodos de regressão linear simples e múltipla e investigar se há autocorrelação espacial com alguns destes atributos. Observa-se que estudos sobre o carste no estado são recentes e se concentram em temas de reconstituição paleoambiental. A maior parte das cavidades cadastradas ocorre em rochas carbonáticas neoproterozoicas, porém há um relevante potencial espeleológico em rochas não carbonáticas paleozoicas e mesozoicas. Não é possível prever por método estatístico puramente determinístico a ocorrência de cavidades, sendo verificado padrão estocástico em sua distribuição. O estimador de densidade Kernel possibilitou inferências qualitativas da probabilidade de ocorrência de cavidades. Os índices de Moran foram eficientes ao demonstrar que condicionantes geológico-ambientais de cavidades em rochas carbonáticas podem interagir de maneira distinta e inversa em rochas não carbonáticas.

Biografia do Autor

Alesson Pires Maciel Guirra, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul

-

Antonio Conceição Paranhos Filho, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul

-

Downloads

Publicado

2024-05-19

Como Citar

GUIRRA, A. P. M.; PARANHOS FILHO, A. C. Cavernas do Mato Grosso do Sul: revisão, atributos condicionantes, análise preditiva e autocorrelação espacial. Terr@ Plural, [S. l.], v. 18, p. 1–31, 2024. DOI: 10.5212/TerraPlural.v.18.19454.004. Disponível em: https://revistas.uepg.br/index.php/tp/article/view/19454. Acesso em: 15 jun. 2024.

Edição

Seção

Artigos