A METODOLOGIA DA HISTÓRIA ORAL E SEU USO EM PESQUISAS ETNOECOLÓGICAS

Autores

  • Adelita Staniski Universidade Estadual de Ponta Grossa
  • Nicolas Floriani Universidade Estadual de Ponta Grossa
  • Adnilson de Almeida Silva UNIR

Resumo

O presente estudo procura através de uma investigação e revisão bibliográfica da temática, demonstrar as vantagens da utilização da história oral na pesquisa etnoecológica. A contextualização histórica é muito importante na compreensão da relação homem-meio e é enriquecida com os relatos orais, os quais estão relacionados aos modos de vida das populações tradicionais. A história oral como metodologia tem se mostrado uma das significativas ferramentas nas pesquisas etnoecológicas, por abrir possibilidades e permitir compreender a sobrevivência, a relação homem-meio, a compartimentação de sua visão de mundo, de sua memória individual e coletiva, o que se caracteriza como saberes vernaculares. A história oral colabora para o registro das informações, ao tempo em que valoriza e permite que as pessoas com uma faixa etária mais avançada possam compartilhar suas experiências e com isso contribuir para a manutenção dos valores culturais, sociais espirituais e ambientais, despertando interesses para as gerações mais jovens que estão inseridas nas mais distintas populações tradicionais.

Biografia do Autor

Adelita Staniski, Universidade Estadual de Ponta Grossa

Licenciada em Geografia e Mestranda pela Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG); Pesquisadora do Grupo de Pesquisas Interconexões/UEPG

Nicolas Floriani, Universidade Estadual de Ponta Grossa

Doutor em Meio Ambiente e Desenvolvimento/UFPR; Professor do Departamento e do Programa de Pós-graduação (Mestrado e Doutorado) em Geografia/UEPG; Pesquisador do Grupo de Pesquisas Interconexões/UEPG. 

Adnilson de Almeida Silva, UNIR

Mestre em Geografia/UNIR; Doutor em Geografia/UFPR; Docente do Departamento de Geografia e dos Programas de Pós Graduação em Geografia (PPGG/UNIR) e do Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente (PGDRA/UNIR)

Downloads

Publicado

2016-03-21

Como Citar

STANISKI, A.; FLORIANI, N.; SILVA, A. de A. A METODOLOGIA DA HISTÓRIA ORAL E SEU USO EM PESQUISAS ETNOECOLÓGICAS. Terr@ Plural, [S. l.], v. 9, n. 1, p. 119–134, 2016. Disponível em: https://revistas.uepg.br/index.php/tp/article/view/7452. Acesso em: 9 ago. 2022.

Edição

Seção

Artigos