Políticas Públicas em Educação: a “lógica subalternizante” vigente na América Latina e seus reflexos na universidade brasileira (Educational Policy: subaltern politic Latin American in the Brazilian university) - Doi: 10.5212/Emancipacao.v.8i1.079093

Conteúdo do artigo principal

Vivian Matias Santos

Resumo

O objetivo deste artigo é analisar como a “lógica subalternizante” implantada na América Latina, pelo ideário neoliberal, se refl ete no contexto específico da universidade brasileira. Percebe-se que há uma política internacional costurada, sobremaneira, pelos Bancos Multilaterais de Desenvolvimento, que reproduzem um crescente desnivelamento entre o centro e a periferia capitalistas. Neste sentido, o projeto neoliberal tem sido implementado como um importante instrumento de dominação política, social e ideológica, tendo como relevante “alvo” e, paradoxalmente, aliada, a política educacional.

Palavras-chave: Política educacional. Neoliberalismo. Universidade.

 

Abstract: This article purposes to analyze the Brazilian university in the context of subaltern politic Latin American. There is an international politic that increases disparity among nations. In this circumstance the educational policy has been utilized by the Neoliberalism as political, social and ideological domination mechanism.

Keywords: Educational policy. Neoliberalism. University.

Detalhes do artigo

Como Citar
Santos, V. M. (2009). Políticas Públicas em Educação: a “lógica subalternizante” vigente na América Latina e seus reflexos na universidade brasileira (Educational Policy: subaltern politic Latin American in the Brazilian university) - Doi: 10.5212/Emancipacao.v.8i1.079093. Emancipação, 8(1). Recuperado de https://revistas.uepg.br/index.php/emancipacao/article/view/116
Seção
Artigos