Integração das Óticas Interna e Externa na Avaliação de Cursos ou Programas de Pós-graduação

Autores

  • Deisy Cristina Corrêa Igarashi UNIOESTE
  • Wagner Igarashi UNIOESTE
  • Edson Pacheco Paladini UFSC

Resumo

Este estudo tem por objetivo analisar os elementos que informam o processo de avaliação segundo a ótica externa e interna, a fim de observar se é possível haver interação entre as duas óticas ao se estruturar um modelo de avaliação direcionado a pós-graduação strico sensu. Para tanto, foi realizada uma pesquisa teórica, a qual tem viés descritivo e com enfoque qualitativo. Ao revisar os textos observou-se que a avaliação interna promove o acompanhamento contínuo e sistemático, ao passo que a externa apresenta a percepção de pessoas não envolvidas de modo direto com os cursos ou programas. Verificou-se, também, que os textos direcionados a ótica externa geram contribuições, opiniões, apresentam tendências e relatam dificuldades dos cursos ou programas e problematizam questões segundo um olhar externo. Ao passo que os textos direcionados a ótica interna evidenciam as práticas que vem sendo adotadas no gerenciamento e observam que estas não têm surtido resultados efetivos. A partir dos elementos pesquisados considera-se ser possível a construção de um modelo a partir das percepções externas que auxiliem no gerenciamento e contemplem de modo simultâneo, os parâmetros externos e internos.

Downloads

Publicado

16-06-2010

Como Citar

IGARASHI, D. C. C.; IGARASHI, W.; PALADINI, E. P. Integração das Óticas Interna e Externa na Avaliação de Cursos ou Programas de Pós-graduação. Revista ADMPG, [S. l.], v. 3, n. 1, 2010. Disponível em: https://revistas.uepg.br/index.php/admpg/article/view/13916. Acesso em: 9 fev. 2023.

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)