UNIDADE DE ENSINO POTENCIALMENTE SIGNIFICATIVA (UEPS) PARA O ENSINO DE MITOSE E MEIOSE

Conteúdo do artigo principal

Letícia Leite Carvalho Thomaz
Bettina Heerdt
Bernardo Ozorio Iurk

Resumo

O objetivo deste artigo foi analisar o processo de aprendizagem potencialmente significativa em relação
ao conteúdo de mitose e meiose com alunos de primeiro ano do ensino médio. Pesquisas na área de ensino revelam
a dificuldade dos alunos em compreender conceitos básicos de genética. Uma hipótese desta pesquisa é que a
dificuldade está relacionada a falta de aprendizagem de conteúdos anteriores, como os processos de mitose e
meiose. A metodologia utilizada foi qualitativa. Para a coleta de dados foi elaborada uma Unidade de Ensino
Potencialmente Significativa e proposto um questionário inicial e um final. A análise de dados foi realizada a partir
da análise de conteúdo temático categorial. Após a aplicação da Unidade de Ensino Potencialmente Significativa
evidenciamos a contribuição desta sequência para a aprendizagem das divisões celulares.

Métricas

Carregando Métricas ...

Detalhes do artigo

Como Citar
THOMAZ, L. L. C.; HEERDT, B.; IURK, B. O. UNIDADE DE ENSINO POTENCIALMENTE SIGNIFICATIVA (UEPS) PARA O ENSINO DE MITOSE E MEIOSE. Olhar de Professor, [S. l.], v. 21, n. 2, p. 209–226, 2019. DOI: 10.5212/OlharProfr.v.21i2.0003. Disponível em: https://revistas.uepg.br/index.php/olhardeprofessor/article/view/14185. Acesso em: 14 ago. 2022.
Seção
Ensino das Ciências e da Matemática
Biografia do Autor

Letícia Leite Carvalho Thomaz, Universidade Estadual de Ponta Grossa.

Licenciada em Ciências Biológicas. Universidade Estadual de Ponta Grossa.

Bettina Heerdt, Universidade Estadual de Ponta Grossa.

Doutora em Ensino de Ciências e Educação Matemática. Professora Adjunta do departamento de Biologia Geral da Universidade Estadual de Ponta Grossa.

Bernardo Ozorio Iurk, Universidade Estadual de Ponta Grossa

Mestrando em Educação. Universidade Estadual de Ponta Grossa.