Videoconferências em tempos de COVID-19: reflexões para o contexto educacional

Conteúdo do artigo principal

Guilherme Mendes Tomaz dos Santos
http://orcid.org/0000-0001-9086-669X

Resumo

O ensaio, de natureza qualitativa, teve por objetivo refletir sobre as potencialidades das videoconferências frente à pandemia da COVID-19 no âmbito educacional. Para tanto, contextualiza o Brasil no cenário pandêmico e reflete sobre as tecnologias digitais, em especial a videoconferência, como ferramentas auxiliares ao processo de ensino-aprendizagem e sobre dinâmicas para a “nova normalidade educativa”. Destaca a copresença como um fator positivo e emergente dessa nova realidade, em que se pode ser mais bem explorada na formação discente nas diferentes etapas educativas e na minimização da distância entre o presencial e o virtual. Contudo, ressalta a necessidade da promoção de melhores condições de acessibilidade aos estudantes, em especial aos vinculados à rede pública, buscando promover maior equidade em suas trajetórias formativas.

Métricas

Carregando Métricas ...

Detalhes do artigo

Como Citar
MENDES TOMAZ DOS SANTOS, G. Videoconferências em tempos de COVID-19: reflexões para o contexto educacional. Olhar de Professor, [S. l.], v. 24, p. 1–8, 2021. DOI: 10.5212/OlharProfr.v.24.15857.047. Disponível em: https://revistas.uepg.br/index.php/olhardeprofessor/article/view/15857. Acesso em: 14 jun. 2024.
Seção
Caderno Temático: Covid 19 - Educação em tempo de Pandemia (Volume 2)
Biografia do Autor

Guilherme Mendes Tomaz dos Santos, Universidade Federal do Rio Grande do Norte

Pós-Doutorando em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). Bolsista PNPD/CAPES. Doutor e Mestre em Educação pela Universidade La Salle (UNILASALLE/Canoas) com período sanduíche (em ambas formações) na Universidade La Salle México (ULSA).